Maison et Objet: As novidades na decoração de interiores

Arquitetos, designers e decoradores reuniram-se no Centro de Exposição de Paris-Nord Villepinte, em Paris, para apreciar as novidades do universo da decoração de interiores na 25° edição da Maison et Objet. A última edição aconteceu no mês de janeiro e trouxe diversas novidades para o ano de 2020. Portanto, preparamos este post com algumas das referências mais quentes da decoração. Confira!

A maison et Objet, uma das maiores feiras de decoração do mundo, trouxe um olhar atento para o futuro e para os itens de decoração atemporais. Para 2020, a tendência é aderir a formas e texturas mais suaves, sem abrir mão de cores que reverenciam a natureza.

A ideia é abraçar as matérias-primas naturais para o lar. Tudo que remete aos elementos terra, fogo, água e ar ganham destaque. A madeira e a cerâmica estão presentes na decoração em conjunto com tecidos como o linho e a lã. Tons como terracota, bege, marrom e verde são referências nesta edição. definitivamente, o resultado é uma decoração acolhedora que busca o bem-estar e a tranquilidade.

A natureza e suas formas


Os cactos de cerâmica da artista Julie Bergeron, da coleção Organic para a AtelierNovo.
Divulgação.

A Maison et Objet destacou diversos produtos artesanais. Desta vez a novidade está ligada ao universo da cerâmica. O trabalho da ceramista Julie Bergeron tem como inspiração as formas da natureza.

A madeira

A madeira é a forma mais tradicional de levar a natureza para casa. Tanto nos móveis como em utilitários. Este é um dos exemplos de utilitários de cozinha.


Formas mais rústicas nos utensílios são destaques.
Representação / Divulgação.

A madeira é a forma mais tradicional de levar a natureza para casa. Tanto nos móveis como em utilitários. Este é um dos exemplos de utilitários de cozinha.

Tons claros e objetos naturais

Relógio Ciclo 12, da marca Nomon de Barcelona. Um dos destaques da feira.
Divulgação.

Tonalidades claras e técnicas manuais foram destaques na última edição da Maison et Objet. Por conta disso, objetos que remetem a natureza tem um espaço especial. Na imagem temos o exemplo do relógio lançado pela marca Nomon, feito de folhas de nogueira e carvalho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: