O DILEMA DA (PEQUENA) VARANDA GOURMET

O DILEMA DA (PEQUENA) VARANDA GOURMET

Quem gosta de reunir os amigos e a família, sabe a diferença que faz um ambiente apropriado para essas reuniões. Mas para quem mora em apartamento ter esse espaço é uma missão bastante complicada, posto que é preciso usar além da criatividade, para aproveitar as poucas metragens que nos são dispostas.

A palavra gourmet, de origem francesa, remete aos apreciadores da alta culinária e do requinte, e a varanda gourmet tem esse nome justamente por reunir todos esses prazeres em um mesmo ambiente.

Indispensável na maioria dos projetos residenciais, torna a varanda tradicional muito mais do que um espaço aberto com uma vista bonita.

Por ser um cômodo ligeiramente afastado do restante da casa, torna-se também apto à recepção de visitas, ao momento de descanso e ao preparo de refeições, simultaneamente. 

O QUE É NECESSÁRIO NA MONTAGEM DE UMA VARANDA GOURMET?

Existem diversos detalhes que precisam ser pensados: além dos tradicionais, pertinentes à decoração de qualquer ambiente (revestimentos, piso, cores, estilo), ainda existem questões como a localização da churrasqueira; se haverá fogão ou cooktop; cadeiras e/ou banquinhos;  qual o tipo de pia; a quantidade de armários. Tudo isso, sempre deve se adequar às suas necessidades para que nenhum espaço seja mal aproveitado ou desperdiçado. 

Para mostrar que é possível ter esse ambiente, mesmo em espaços menores, trouxemos inspirações lindas, para quem não abre mão de um espaço gourmet e não sabe exatamente como montá-lo. Vem ver!

 

 

 

Ah! E não se esqueça de, antes de adaptar a ideia, se informar sobre as regras do condomínio a respeito da alteração da fachada, pois muitos já tem padrões pré definidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: