ENSINANDO O SEU FILHO A SER ORGANIZADO

ENSINANDO O SEU FILHO A SER ORGANIZADO

A gente sabe que ter crianças em casa, sempre será sinônimo de muita alegria e também de uma bagunça ou outra. Justamente por este motivo, é importante ensinar os princípios básicos da organização para o seu filho desde cedo. No post de hoje, reunimos dicas super legais para você ensinar o seu pequeno a ser responsável de maneira saudável e divertida. Vem ver!

Paninhos, brinquedos, mamadeiras e/ou restinhos de comida espalhados pela casa, uma roupinha suja pra lá, outra pra cá… Soa familiar?

Se formos pensar bem, tudo isso é muito saudável. Indica que a criança está circulando pelos ambientes e explorando todos os espaços. Mas ensiná-la a ser organizada, também é muito importante para que ela desenvolva seus aspectos lógicos, bem como a compreensão de responsabilidades, regras, limites, e claro, estimule sua independência.

Obviamente, esse processo de aprendizado, assim como todos os outros, é um processo de construção, o que quer dizer que não será alcançado de uma hora pra outra. Requer paciência, flexibilidade, atenção, carinho, e principalmente constância. Mas em compensação, você estará formando um adulto prontinho para a vida: responsável, seguro e independente! Para te ajudar a ensinar tudo isso aos seus filhotes, confira as dicas que trouxemos no post de hoje:

ROTINA DE ORGANIZAÇÃO

É importante manter uma rotina, associada a organização para que ela se torne um hábito: arrumar a cama ao acordar, guardar os brinquedos ao terminar de brincar, juntar e dobrar as roupas para que você as guarde e separe o que deve ser lavado… Ela provavelmente não conseguirá realizar essas tarefas da mesma maneira que um adulto, mas você pode ensiná-la nas primeiras vezes e depois deixar que tente (essa é uma das melhores formas de incentivo) e assim, com o tempo ela aperfeiçoe essas habilidades e compreenda que essas são suas próprias responsabilidades.

TUDO SEMPRE À MÃO

Aqui no blog, já fizemos um post sobre a decoração Montessoriana e a autonomia que ela proporciona às crianças, posto que é um quarto feito exatamente para atender às necessidades delas e visando o desenvolvimento das mesmas. Para lê-lo, basta clicar aqui.

A premissa desse tópico, envolve basicamente os métodos montessorianos. Deixe caixas, cestos, armários e gavetas ao alcance das crianças e faça uso de etiquetas que diferenciem os locais onde tudo deve ser guardado. Se a criança ainda não souber ler, utilize desenhos para diferenciá-los.  

DIVERSÃO

Transforme o momento das tarefas em algo divertido. Aposte em músicas e jogos para tornar a organização mais leve. “Quem guarda mais rápido” ou “Quem guarda mais coisas” a diversão sempre torna tudo mais agradável e mais fácil.

DÊ O EXEMPLO

Nenhuma dessas técnicas terá efeito sobre a criança se você não der o exemplo. Deixar bolsa, sapatos, roupas espalhadas pela casa, toalha molhada em cima da cama… As crianças aprendem muito observando e os pais são os principais espelhos ao longo da vida. Policie-se!

EQUILÍBRIO

Hábitos saudáveis de organização são capazes de desenvolver aspectos bastante significativos no que se refere a autonomia, responsabilidade, percepção do espaço e cuidado, tanto com seus pertences (e os de terceiros), quanto com estudos e higiene, mas ter limites bem estabelecidos é muito importante!

É necessário flexibilidade e bom senso para saber até onde permitir e cobrar seu filho e compreender que não há nada de errado em brincar, se sujar e ser livre, desde que se tenha ciência das responsabilidades subsequentes.

Caso não haja esse equilíbrio, você pode acabar sufocando a criança e causando o efeito reverso, além de desencadear dificuldades para lidar com responsabilidades e desafios.

E aí, gostou das nossas dicas? Já usa alguma delas com o seu pequeno? Conta pra gente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: